Prefeitura Municipal de Itajaí

01/06/2020

Complexo Portuário de Itajaí recebe o primeiro navio “gigante” e realiza com giro em nova etapa de manobras especiais na área da nova Bacia de Evolução.

Antes do início da manobra, nessa segunda-feira (01), a Superintendência do Porto de Itajaí homenageou autoridades e servidores que contribuíram para a concretização das manobras da Bacia.

Itajaí, 01 de junho de 2020.

Superintendência do Porto de Itajaí – SPI.

Secretaria Geral de Comunicação Social - SECOM.

 

Complexo Portuário de Itajaí recebe o primeiro navio “gigante” e realiza com giro em nova etapa de manobras especiais na área da nova Bacia de Evolução.

Antes do início da manobra, nessa segunda-feira (01), a Superintendência do Porto de Itajaí homenageou autoridades e servidores que contribuíram para a concretização das manobras da Bacia.

 

O primeiro navio de classe conhecido por “Megaships”, representados por embarcações com até 350 metros de comprimento e capacidade para transportar até 12.000 TEUS (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés), chegou nesse final de semana ao Complexo Portuário de Itajaí.

A embarcação EVER LAUREL, com 334,98 metros de comprimento e 48,80 metros de largura (boca), bandeira de Singapura e capacidade para transportar até 8452 TEUs, veio do Porto de Paranaguá (PR) e atracou no berço 02 da Portonave às 11h:55minutos desse domingo (31).

Nessa segunda-feira (01) foi realizada a manobra de saída da embarcação, que é a primeira manobra com giro de nova etapa na área da nova Bacia de Evolução.

A manobra teve início às 10 horas, com o navio rebocado de popa (ré) até a Baia Afonso Wippel (Saco da Fazenda), área em que está localizada a nova bacia. Já posicionado, ele concluiu um giro de 180° e seguiu seu trajeto marítimo rumo ao Porto de Montevideo (Uruguai). A manobra foi encerrada com sucesso às 11h20min.

Para garantir a segurança de todos que utilizam o canal, já que essa é considerada uma manobra especial, o acesso ao Complexo Portuário de Itajaí foi interditado durante a entrada e saída do navio. Com isso, ficaram paralisadas as atividades do ferry boat, da Marina Itajaí e a navegação de embarcações pesqueiras.

A manobra foi coordenada e monitorada pela Superintendência do Porto de Itajaí, pela Marinha do Brasil (Delegacia da Capitania dos Portos de Itajaí), pela Praticagem, pelos Terminais Portuários (APMT e Portonave) e pela empresa de rebocadores.

Em terra, o bloqueio da entrada e saída do ferry boat, bem como a organização do trânsito durante sua paralização, em Itajaí e Navegantes, foi organizada pelos inspetores da Guarda Portuária e pela Codetran (Itajaí) e Navetran (Navegantes).

Antes do início da manobra, a Superintendência do Porto de Itajaí, na condição de Autoridade Portuária, realizou uma cerimônia de entrega de placas, em reconhecimento aos esforços de autoridades e alguns colaboradores que foram fundamentais para a concretização da nova Bacia de Evolução.

Para o Prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, a nova Bacia de Evolução coloca o Complexo Portuário de Itajaí na rota dos grandes navios (Megaships) e é fundamental para a operação do complexo e manutenção de sua movimentação:

“Hoje é um dia para ficar registrado na memória dos itajaienses e de todos aqueles que labutam na atividade portuária do nosso complexo. Fonte primordial da nossa economia, o Porto de Itajaí e seu complexo, cada vez mais se destaca e prova disso é o que estamos presenciando hoje com a vinda destes gigantes dos mares. Para nós é mais um motivo de orgulho e acima de tudo de satisfação de ver, que agora sim, estamos prontos para realmente fazermos parte das grandes operações do cenário portuário nacional e internacional”, destaca.

Foram homenageados: o Município de Itajaí, representado pelo Sr. Volnei José Morastoni, Prefeito de Itajaí;  a Superintendência do Porto de Itajaí, representada pelo Engenheiro Sr. Marcelo Werner Salles, Superintendente do Porto de Itajaí; a Câmara de Vereadores de Itajaí, representada pelo seu vice-presidente, Sr. Sérgio Murilo Pereira; a Capitania dos Portos de Santa Catarina, representada pelo Capitão dos Portos de Santa Catarina e Capitão de Mar e Guerra, Sr. Alexandre Lopes Vianna de Souza; a Delegacia da Capitania dos Portos de Itajaí, representada pelo Comandante, Sr. Eduardo Miranda da Fonseca, representando no ato o Capitão de Fragata e Comandante da Capitania dos Portos de Itajaí, Sr. Thales da Silva Barroso Alves; a Portonave(Porto de Navegantes), representada pelo Diretor Superintendente Administrativo, Sr. Osmari de Castilho Ribas; a APM Terminals, representada pelo Diretor Superintendente Administrativo, Sr. Aristides Russi Junior; a Empresa Itajaí e Navegantes Práticos Serviços de Praticagem, representada pelo Sr. Paulo Figueiredo Ferraz Júnior, representando o Presidente da Praticagerm, Sr. Wallace Siqueira Bezerra; os servidores da Superintendência do Porto de Itajaí, representados pelo Diretor Geral de Operações Logísticas, Sr. Heder Cassiano Moritz e pelo Diretor Geral de Engenharia, Sr. André Pimentel.

O Superintendente do Porto de Itajaí, Eng. Marcelo Werner Salles destacou que a realização dessa obra, demonstra que com a união de todos os envolvidos foi possível superar as adversidades e garantir a movimentação do Complexo Portuário:

“Em 2019 tivemos a oportunidade de exportar e importar quase 16 bilhões de dólares por esse Complexo, o que permitiu assegurar em todas as regiões do estado mais de 750 mil empregos. Para assegurar a manutenção dessa atividade e a adequação, impostas por esses novos navios, foi feito um investimento pelo Governo do Estado como também cada uma das instituições homenageadas realizou suas ações. Meu agradecimento à Câmara de Vereadores de Itajaí, que em um determinado momento crítico, nos permitiu um aditivo para que concluíssemos a obra; aos nossos parceiros privados, APM Terminals e Portonave, que desde o inicio dos estudos realizaram investimentos em parceria com a Superintendência do Porto; à Praticagem que em todo esse caminho nos ajudou de forma técnica e eficiente; à Marinha do Brasil que desde o início vem nos orientando em como proceder e permitindo que os nossos parâmetros sejam melhorados de uma forma para que possamos dar continuidade à atividade portuária; à municipalidade por esse apoio na busca de recursos e apoio técnico para dar conforto e tranquilidade para que a equipe técnica do porto pudesse realizar o trabalho de implementação, que vem sendo feito diuturnamente; como também  à todos que acreditaram e nos ajudaram a superar as adversidades e a Deus, que nos deu saúde para chegar até aqui e continuar, comemora Salles”.

A cerimônia foi realizada naMarina Itajaí, em área aberta, com número de convidados restritos, respeitando toda as normas de segurança recomendadas pelo Ministério da Saúde e pela Anvisa, no combate a pandemia da Covid-19.

Após a entrega das placas todos foram convidados para assistir no molhe da Marina o giro do navio na área da nova Bacia de Evolução.

Os estudos técnicos e projetos de engenharia para a nova Bacia de Evolução do Complexo Portuário de Itajaí tiveram início em 2012.Por estar localizada entre os berços de atracação do Porto de Itajaí (APM Terminals) e Portonave, a área da antiga da bacia era limitada e não permitia a manobra de navios maiores.

A Baia Afonso Wippel foi sugerida por um dos mais antigos práticos de Itajaí, e dentre todos os locais apresentados foi, de acordo com estudos técnicos, o mais adequado para a nova área de manobras.

A obra será realizada em duas etapas. Na primeira etapa, já concluída, a bacia tem 500 metros de diâmetro e 14 metros de profundidade e habilita o Complexo a receber navios de até 350 metros de comprimento. As obras dessa etapa foram finalizadas em setembro de 2019, após a realização de diversas fases, necessárias para sua conclusão e encaminhamento de documentos para sua homologação: estudos técnicos, dragagem, alteração dos molhes, nova sinalização náutica, aprovação por parte da Autoridade Marítima, treinamento da Praticagem, entre outras frentes de trabalho.

Foram investidos R$ 174,6 milhões para a execução da obra, sendo R$ 129 milhões oriundos do Governo do Estado de Santa Catarina através da Secretaria de Estado da Infraestrutura, R$ 40,1 milhões do Porto de Itajaí e R$ 5,5 milhões da Portonave (Porto de Navegantes).

A primeira manobra na área da nova bacia de evolução foi realizada em 16 de janeiro de 2020, com uma manobra de navegação a ré (popa), até então inédita na América do Sul. O navio Valor, de 300 metros de comprimento, foi o primeiro de 12 navios de até 306 metros manobrados na área da Bacia em caráter especial. Com a autorização da Autoridade Marítima para a realização dessas manobras em caráter normal, foi autorizada a realização de mais uma fase de manobras especiais, agora com navios de até 350 metros.

Representantes e autoridades da comunidade portuária e empresarial de Itajaí e Navegantes estiveram reunidos com senadores e deputados federais do Fórum Parlamentar Catarinense para a entrega de uma carta de apoio institucional para o inicio das obras da segunda etapa de readequação dos acesos aquaviários do Complexo Portuário de Itajaí, essa etapa permitirá ao Complexo receber navios de 366 metros até 400 metros de comprimento.

 

Mais Informações:

*Texto: Ana Paula Baticini – Estagiária da Secretaria Geral de Comunicação Social.

(47) 3341-8067.

* Fotos da Solenidade de entrega de placas: Thiago Caminada – SECOM/PMI.

*Fotos navio EVER LAUREL – Luciano Sens: Secretário Geral de Comunicação Social.

(47) 3341-8067.

  • Enviar para amigo
  • Imprimir
  • Link:

Enviar notícia para amigo






Rua Blumenau, 05 | CEP 88.305-101 | Centro | Itajaí | Santa Catarina | Brasil
Telefone: [+55] 47 3341 8000