Prefeitura Municipal de Itajaí

20/02/2019

Porto de Itajaí registra aumento de 133% em toneladas no mês de Janeiro.

Comparação é feita com os resultados do mesmo período de 2018.

O Porto de Itajaí iniciou seu ano de 2019 com números positivos, onde através da APM Terminals (empresa arrendatária dos berços 1 e 2 no Porto de Itajaí), e Cais Público, somaram um aumento de quase 205 mil toneladas, num montante de 152.266 para 355.365, registrando um crescimento de 133% na comparação mês/ano.

Com referência na quantidade de TEU’s, o Porto de Itajaí também se destacou, apresentando um crescimento de 31%, movimentando 18.220 TEU’S (Twenty Foot Equivalent Unit – unidade internacional equivalente a um contêiner de 20 pés de comprimento), no total de janeiro de 2019.

Consequentemente os números de embarcações atracadas nos berços também aumentaram, passando de 23 para 37 atracações, registrando um aumento de 61% na comparação de janeiro 2018 e janeiro 2019, ou seja, últimos 12 meses.

O Complexo Portuário de Itajaí apresentou números positivos e estáveis, tendo uma movimentação total de 1 milhão de toneladas somente em janeiro de 2019, passando de 943.631 para 1.004.921 - um aumento sólido de 6% na comparação mês/ano.Em TEU’s significou um saldo positivo de 8%, aumentando de 85.341 para 91.889 mil unidades movimentadas.

De acordo com Heder Cassiano Moritz, Assessor de Direção da Superintendência do Porto de Itajaí, os números futuros devem ser cada vez melhores, “Os resultados são interessantes, pois já temos uma pegada inicial que dá um indicativo bom de crescimento e prevê bons resultados futuros. Nossa perspectiva é manter o nível de crescimento, aumentando com novas linhas em operação. De uma forma geral, a movimentação de janeiro de 2019 foi importante e nos dá um indicativo de que podemos ter um ano com grande movimentação de cargas”, destacou.

Berço 4
Previsto para concluir suas obras no final deste mês e ou início de março de 2019, o berço 4 já traz boas expectativas, “No primeiro trimestre de 2019 nós efetivamente teremos a conclusão da obra do berço 4, nisso ele passa a ter condições de ser utilizado operacionalmente, o que é extremamente positivo, pois ampliamos a condição de atendimento de navios e já nos deixa em condições de buscar novos serviços, ou seja, depois de muito tempo, desde junho de 2014 em diante, nós vamos estar com os 4 berços em condições operacionais assim como as áreas de pátio de armazenagem”, conclui Héder.

Desde que foi apresentado ao público e imprensa, em dezembro do ano passado, os números crescentes do Porto de Itajaí referentes as suas movimentações do primeiro biênio (2017/2018), dão margem positiva também para este ano de 2019. Seu potencial se destaca cada vez mais no mercado portuário gerando emprego e renda aos trabalhadores que atuam no setor, ”Para nós o Porto de Itajaí é motivo de grande orgulho e satisfação. Em dois anos recuperamos seu prestígio, trouxemos novas linhas e contêineres, aumentando muito a movimentação de navios. Já estamos trabalhando com três berços e logo estaremos com os quatro em operação, garantindo uma economia cada vez mais forte e potencializando Itajaí no mercado portuário de Santa Catarina e do Brasil”, afirmou o Prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni.

“O crescimento que vem sendo realizado nos últimos anos é muito importante para nossa atividade, o berço 3 já vem operando em alguns casos, e com o término do berço 4, possivelmente no final deste mês, irá aumentar ainda mais a possibilidade do nosso porto em receber mais cargas conteinerizadas e gerar frutos para nossa cidade”, destacou o Superintendente do Porto de Itajaí, Engº Marcelo Werner Salles.

No Terminal PORTONAVE a movimentação registrada no mês de janeiro somou 44 escalas registrando-se uma queda de 24% em relação ao mesmo período do ano anterior, que totalizou 58 navios atracados. Sua movimentação total de cargas registrada em janeiro foi de 637.187 toneladas, com 44 escalas, uma média de 14.481 toneladas por escala realizada, resultando numa queda de 17% em relação ao mesmo período do ano anterior, que somou 770.582 toneladas, com 58 escalas atendidas e uma média de 13.286 toneladas por escala registrando-se um crescimento de 9% na movimentação de cargas por escala realizada. Especificamente no número de escalas realizadas observou-se uma queda de 24% em relação ao mesmo período do ano anterior. Os demais terminais privativos registraram as seguintes movimentações de navios e cargas no mês de janeiro:

A BRASKARNE registrou apenas uma escala com 3.097 toneladas, uma queda de 74% na movimentação de cargas em relação ao mesmo período do ano anterior, que registrou 3 escalas com 12.027 toneladas movimentadas, observando-se uma queda de 74% no número de escalas em relação ao mesmo período do ano anterior.

O terminal TEPORTI registrou 2 escalas com 4.272 toneladas, com uma queda de 51% na movimentação de cargas em relação ao mesmo período do ano anterior, que totalizou 3 escalas com 8.756 toneladas movimentadas, uma queda de 33% no número de escalas realizadas.

POLY TERMINAIS registrou uma escala com 5.000 toneladas. No mesmo período do ano anterior não houve registro de escalas efetuadas.

PRINCIPAIS PRODUTOS MOVIMENTADOS:

Exportação:

No segmento de exportações, as mercadorias que mais tiveram destaque no mês de janeiro foram: Frango (US$/FOB 158 milhões), Madeiras e Derivados (US$/FOB 84 milhões), Carnes (US$/FOB 70 milhões), Mecânicos e Eletrônicos (US$/FOB 57 milhões).

Importação:

Nas importações, que tiveram 45% da movimentação total do complexo, tiveram destaque as seguintes mercadorias: Mecânicos e Eletrônicos (US$/FOB 259 milhões), Produtos Químicos (US$/FOB 198 milhões), Têxteis e diversos (US$/FOB 166 milhões) e Alimentos em Geral (US$/FOB 57 milhões).

LIMITES OPERACIONAIS

Durante o mês de janeiro, o complexo portuário teve um total de 13 horas de impraticabilidade da barra em função de ocorrência de ventos acima dos limites operacionais.  Foi registrado o cancelamento de uma escala por conveniência do armador.

Obs: O relatório completo de estatísticas referente ao mês de janeiro de 2019 pode ser conferido aqui.

 

Texto e Fotos: Fabricio Pereira – Estagiário ASCOM/SPI.

(47) 3341-8067.

* Revisão: Alan Peter Rosa - Assessor de Direção/SPI.

Luciano Sens – Assessor de Comunicação Social do Porto de Itajaí.

  • Enviar para amigo
  • Imprimir
  • Link:

Enviar notícia para amigo






Rua Blumenau, 05 | CEP 88.305-101 | Centro | Itajaí | Santa Catarina | Brasil
Telefone: [+55] 47 3341 8000